Roteiro em Londres para quem ama rock

Quando eu fui para Londres, notei o número de atrações que estavam na minha lista de lugares que eu queria conhecer por causa do rock inglês.

Abbey Road estúdio rock londres

Vamos começar pelo óbvio. Como fã dos Beatles, não consegui resistir à tentação de tirar uma foto em Abbey Road.

Abbey Road estúdio rock londres7

Mas ele não é o único lugar de Londres para os fãs e Beatles. Eu também fui visitar a British Library, que tem em exposição alguns objetos de Beatlemania, inclusive os papéis em que Yesterday, Ticket to Ride, Michelle e Help foram originalmente escritas.

Do site do Museu Britânico

No Prince Wales Theatre, no West End, aconteceu o famoso show em que os Beatles tocaram para a família real. Em um momento, John Lennon disse “Precisamos de ajuda para a próxima música. As pessoas nos assentos baratos podem por favor bater palmas? Os outros, só balancem suas jóias”.

E em 30 Saville Row, na sede da gravadora Apple Records, os Beatles fizeram seu último show, cantando de improviso, em 30 de janeiro de 69.

O beco de Hare Row ficou conhecido depois que os Libertines gravaram lá o clipe de Up the Bracket. Desde então, é onde os fãs da banda deixam mensagens para eles.

Outro dos lugares mais famosos de Londres é o Battersea Power Station, capa do disco Animals do Pink Floyd. Ele também aparece no filme Help! Dos Beatles. A fama foi o que impediu que o prédio fosse demolido, e hoje ele é um Centro Cultural.

Battersea Park Londres rock5

E o parque também é ótimo.

Se você gosta de Bob Dylan, não deixe de visitar o beco atrás do Savoy Hill, onde ele gravou o clipe de Subterranean Homesick Blues.

 

Nas escadarias do Camden Market, The Clash tirou a foto de capa do disco com esse nome.

camden-lock

camden market the clash

Lá perto, em Camden Square número 30, fica a casa da Amy Winehouse. A árvore em frente virou um lugar onde fãs deixam mensagens sobre a cantora.

camden square

Heddon Street 23 é o endereço que aparece na capa de The Rise and Fall of Ziggy Stardust and the Spiders from Mars, do Bowie. Hoje uma plaquinha azul marca o lugar, uma das poucas dedicadas a personagens ficcionais.

ziggy stardust

Em King’s Road, número 430, fica o lugar onde Vivienne Westwood e Malcolm McLaren começaram a loja Sex, epicentro da cena punk.

sex vivienne westwood
Copyright: Vivienne Westwood

Além disso, tem as casas de show e bares famosos. O 100 Club em Oxford Street ficou associado com a cultura punk, e lá tocaram artistas como  Sex Pistols, The Clash e mesmo os Rolling Stones. Em Camden, tem o Dublin Castle e o Hawley Arms, ambos associados com a Amy Winehouse, mas com uma história por trás. O Dublin Castle era originalmente um pub que tocava música irlandesa, mas que depois ficou famoso pelas jam sessions, que acontecem toda terça. Os Libertines tocam lá de vez em quando.

 

1 comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s