12 Pratos Típicos para Provar em Belarus

Com cerca de 40% do país dedicado a áreas de cultivo, Belarus tem uma cozinha muito rica, com ingredientes locais deliciosos. Também tem uma história muito rica de trocas com os países vizinhos, e é fácil achar pratos russos, poloneses, ucrânianos, lituanos. Com isso, tem muita coisa para provar em Belarus, e esses são alguns dos pratos principais.

Draniki

Feito em casa por amigas belarrussas

Em Belarus, a batata é uma paixão nacional. Chega ao ponto de que eles são conhecidos na ex-União Soviética como Bulbashi, nome derivado da palavra belarrussa para batatas, Bulba. E se você tem que provar um prato feito com ela, tente o mais comum de todo: Draniki. Eles são geralmente chamados de estrangeiros de “panquecas de batatas”, e também parecem um pouco pratos como Batata rösti. Eles podem ser recheados com carne, cogumelos ou queijo, e em restaurantes frequentemente são fritos em banha, então quem é vegetariano, melhor perguntar antes. Eles geralmente são servidos com smetana, o creme azedo comum em Belarus e na Rússia.

Além disso, também tem pratos como Kolduni, feitos com batata e recheados com carne, Babka, parecido com draniki, mas em versão enorme e assada ao invés de frita, e Tsibriki, um prato de batatas passadas na farinha e fritas.

Kletsi

Crédito wikicommons

Outro prato famoso em Belarus são os kletki, dumplings recheados com carne. Eles parecem um pouco com os pelmeni da Sibéria, mas geralmente são maiores e em formato de meia-lua. Eles geralmente são servidos com cebolas e smetana.

Zhurek

crédito: wiki commons

Típico também na Polônia, Zhurek é uma sopa feita com aveia e pão preto. 

Machanka

Machanka pode ser servida como sopa ou mais como um ensopado, feita com linguiça, caldo e panquecas grossas. Esse é um prato típico da Maslenitsa, um antigo festival pagão que hoje é celebrado como o início da quaresma, em Belarus, na Rússia e na Ucrânia.

Borscht

Borscht, ou sopa de beterrabas, é outro prato típico em toda a região. A versão belarrussa é conhecida por ter uma grande quantidade de vegetais, inclusive, é claro, batatas. Ele geralmente é servido com smetana. No verão, ele é frequentemente servido como Khaladnik, Borscht frio com batatas e ovos cozidos.

Syrniki

Syrniki geralmente são traduzidas como panquecas de queijo, porque é o que elas parecem, mas elas são feitas de um queijo local, o tvorog, que por sua vez às vezes é traduzido como queijo cottage. Elas também às vezes são chamadas de tvorójniki. Elas são populares para o café da manhã ou como sobremesa, geralmente servidas com smetana, um creme de leite azedinho, e com varenye, uma conserva de frutas vermelhas, ou com geléia.

Shkvarki

Conhecidos como Čvarci em outros países de línguas eslavas, esse é um lanche feito de pele de porco. Ele é popular acompanhando cerveja, mas também já vi acompanhado de ovos e batatas na panela, e para mim parece muito com torresmo. 

Bliny

Bliny são panquecas tradicionais. Elas podem ser comidas na versão chique e muito tradicional, com caviar, como prato principal, com todo tipo de recheio, ou como sobremesa, com recheio de geléia. Eu gostava muito do de carne, cogumelos e smetana (um tipo de creme azedo).
Bliny também são a base do Maslenitsa, o festival da Igreja Ortodoxa para celebrar a última semana antes da quaresma, quando os religiosos mais tradicionais não comem carne.

Kindziuk

Também conhecido como Skilandis ou Kindziukas, Kindziuk é uma linguiça defumada típica do Grão-Ducado da Lituânia, que existiu por cinco séculos na Europa e incluía o território da atual Belarus. 

Sopa de cogumelos no pão

Cogumelos também são muito populares nessa parte do mundo, e em Belarus, caçá-los nas florestas durante o outono é um passatempo importante. Eles aparecem em vários pratos, e são inclusive um dos mais populares acompanhamentos para as Draniki, o primeiro prato que apareceu aqui. Mas uma das formas mais diferentes é combiná-lo com as sopas dentro do pão, um prato popular na Europa central. 

Kasha

créditos: wiki commons

Kasha é outra das comidas que são comuns na Rússia, na Ucrânia e em Belarus, um tipo de mingau feito com água ou leite e trigo sarraceno.

Krambambula

créditos: wiki commons

Krambambula é um drink que mistura vinho tinto com bebidas como rum, vodka ou gin, além de mel e ervas. Ele foi declarado a bebida nacional de Belarus. Muitas pessoas aqui acreditam que ele faz bem para a saúde, e o bebem depois das refeições, mas vale a pena reforçar que é uma bebida forte – para imitar as propagandas de álcool, beba com moderação.

Clique na imagem para ler todos os posts sobre Belarus

Deixe uma resposta