Siena: uma outra visão do Renascimento

Siena é uma das cidades mais amadas e visitadas da Toscana, um lugar rico de arte, cultura, e de ruazinhas cheios de prédios medievais e renascentistas. Também é conhecida pela rivalidade com Florença, que ia desde batalhas terríveis à arte, e por isso é muito interessante visitar ambas e comparar os diferentes estilos.

Piazza del campo predios

A Piazza del Campo famosa pelo formato de concha, é considerada uma das praças medievais mais bonitas da Europa, e também é onde acontece o Palio. O Palio é uma corrida de cavalos que acontece todo 2 de julho e 16 de agosto. Os corredores representam os diferentes contrade, os bairros de Siena. O vencedor ganha uma bandeira de seda com a imagem de nossa senhora, e, mais importante, o direito de zoar os outros bairros por um ano. O festival é enorme, com jantares comunais para os membros de cada bairro e todo mundo nas ruas cantando as músicas de torcida. Não tive a chance de ver, mas se você quiser, lembre-se de reservar tudo com antecedência porque a cidade lota.

Uma das atrações da Piazza é a Fonte Gaia. Ela foi feita por Jacopo della Quercia.

Fonte Gaia piazza del campo Siena

Também na Piazza fica o o Palazzo Pubblico, hoje um museu com várias das obras primas de artistas da cidade. Ele foi construído após a Batalha de Montaperti, em 1260, quando Siena venceu Florença e se conheceu seu período mais rico. Aliás, quando o time de Siena está ganhando do time de Florença em uma partida de futebol, eles ainda gritam “Montaperti”. Como esse povo sabe guardar rancor.

Palazzo Pubblico Siena

A obra mais conhecida é o afresco “Bom e mau governo” de Ambrogio Lorenzetti. Na parede de fundo, ficam os afrescos que mostram os efeitos de um bom governo, com cidadãos vivendo em ordem e harmonia, e os efeitos do mau governo na parede da esquerda, com uma cidade em ruínas.

 

 

Palazzo Pubblico bom e mau governo 1

A Torre do palácio é chamada pelos locais de Torre del Mangia, versão curta de Torre del Mangiaguadagni, literalmente torre do comedor de lucros, pela reputação do primeiro tocador de sino de ser gastador e glutão. Pense no que é ter um apelido tão engraçado que ele dá nome a um dos pontos turísticos da sua cidade. 

Palazzo pubblico vista para a torre del Mangia 2

A Torre foi construída para ter a mesma altura da Torre do Duomo, simbolizando que em Siena os dois teriam a mesma importância. E ele é uma das melhores vistas do alto da torre.

Torre del Mangia vista para o Duomo Siena

Torre del Mangia vista para a cidade Siena

Andando pela cidade, eu via por todo lado bandeiras e monumentos dos símbolos de cada contrada. Talvez o mais legal de Siena seja andar por ruazinhas minúsculas, achando pontos fotogênicos e os melhores restaurantes que não tem menu em inglês. Depois do almoço, também é o lugar para provar os doces típicos da cidade, como Panforte, um pão feito com cascas de frutas e castanhas que é típico do natal, e o Ricciarelli, um doce super leve feito à base de amêndoas.

Ruazinhas de Siena 8

Ruazinhas de Siena 12

Ruazinhas de Siena 11

Ruazinhas de Siena 9

Tem várias praças que valem a pena visitar andando pela cidade, como a Piazza Salimbeni. Ela é o lugar do Palazzo Salimbeni, hoje a sede do Monte dei Paschi di Siena, o banco mais antigo do mundo ainda em funcionamento.

Piazza Salimbeni Siena

Outra praça linda é a Piazza dei Tolomei, que tem uma estátua da loba alimentando Romulo e Remo. Diz a lenda que os filhos de Remo, Ascanio e Senio, fundaram a cidade, e por isso a estátua da loba está em alguns lugares importantes da cidade.

Ruazinhas de Siena 6

A Fontebranda é outro lugar que vale a pena, uma das fontes mais bonitas de Florença. Ela começou a ser construída no século XI, e era conhecida pelas três entradas, que seguiam o ritmo da correnteza. Assim, a primeira entrada era para que pessoas bebessem a água mais limpa, a segunda é para que animais bebessem água, e a terceira era usada para lavar roupa. Uma curiosidade é que Santa Catarina de Siena morava lá perto, e por isso a chamavam da Santa da Fontebranda.

 

Fontebranda Siena 3

A igreja principal da cidade é o Duomo di Santa Maria Assunta, construída em estilo Romanesco-Gótico.

Duomo de Siena de perto

Duomo de Siena detalhe

Duomo de Siena detalhe 2

O Duomo tem obras famosas de Michelangelo, Donatello, Nicola Pisano e Pinturicchio.

Duomo de Siena interior

Duomo de Siena vista do andar de cima 1

Mas uma das partes mais famosas é o chão, que é incrível. Na maioria do ano, parte dele fica protegido por um vidro, mas ele fica descoberto entre julho e outubro.

Duomo de Siena chão mosaicos

Duomo de Siena chão mosaicos 3

Duomo de Siena chão mosaicos 2

Também é parte do Duomo a Biblioteca Piccolomini, dedicada ao papa Pio II e construída para preservar seu acervo. Ela é conhecida pelos afrescos de Rafael e Pintoricchio.

Duomo de Siena biblioteca piccolomini 3

Na parte sul do Duomo fica o Museu dell’Opera del Duomo, com estátuas que costumavam ficar na fachada.

O Batistério também é famoso pelas obras de vários artistas do Renascimento, como a pia batismal esculpida por Jacopo della Quercia, Lorenzo Ghiberti and Donatello.

Quando o poder de Siena diminuiu, no fim do século XIV, Florença acabou por se tornar a capital da Toscana, e brevemente a capital da Itália. Foi Florença que influenciou o que a gente acha que uma cidade renascentista deveria parecer. Mas visitar esses lugares é uma chance de ver outra perspectiva da Renascença, e por isso é uma cidade imperdível.

Ruazinhas de Siena 1

Ruazinhas de Siena 2

Ruazinhas de Siena 4

Ruazinhas de Siena 5

Ruazinhas de Siena 13

Vista para a Torre del Mangia Siena

Ruazinhas de Siena 14

E a cidade também é mencionada na Divina Comédia, como mostram as plaquinhas espalhadas pela cidade.

Dante divina comédia Siena

Como chegar: trens diretos saem de Florença a cada hora, e demoram uma hora e meia para chegar lá. A estação em Siena é debaixo de uma colina, então você tem que subir cerca de 20 minutos, ou pegar um ônibus.

A estação de ônibus de Siena é perto da estação de trem, mas o ônibus tem outras paradas, mais próximas do centro histórico. Procure os ônibus da SITA.

Você também pode alugar um carro, mas não pode entrar no centro histórico da cidade com ele.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s