Acessórios de viagem: peshtemal, ou toalha turca

Eu sempre viajei com toalhas de nadador, aquelas que são mantidas úmidas em um saquinho. Elas ocupam pouquíssimo espaço, é só torcer algumas vezes para secar o corpo inteiro, e nunca tenho o problema de ter que viajar com uma toalha molhada fedendo na mala. Além disso, no inverno eu molho elas no chuveiro, e ficam quentinhas.

Toalha nadador viajar

Então quando me falaram da peshtemal, ou toalha turca, fiquei mineiramente desconfiada. Ela não parecia tão prática. Para começar, é feita de algodão, tecido que eu evito levar em viagens. Ele segura muito a umidade, o que significa que no verão você fica com a camisa molhada de suor e no inverno fica com uma primeira camada que não transpira como deveria. Mas elas são feitas de um tipo especial de algodão e secam muito rápido. Além disso, uso mais para outras coisas do que como toalha, e é a versatilidade que me agrada.

 

Quanto mais usado e lavado, mais ele fica macio e mais água ele é capaz de absorver.

Peshtemal toalha turca viagem

Uso número 1: Toalha

O peshtemal é uma toalha mais confortável do que as de nadador, mas mais leve e absorvente do que as toalhas normais. Além disso, ela seca super rápido. Quanto mais você usa, mais macia e absorvente ela fica.

Uso número 2: Canga

Aquela dobradinha básica de toalha/saída de praia também funciona com o peshtemal. Além disso, ele cobre mais que uma canga comum, tem outros usos e seca mais rápido.

Uso número 3: Lenço ou xale

Se ao invés de na praia você está em um lugar friozinho, é só enrolar o peshtemal em volta do pescoço que vira um lenço enorme. Ou ainda, se você está em um lugar quente, mas quer entrar em atrações como lugares religiosos que exigem dress code, pode enrolá-lo nos ombros para virar um xale.

Uso número 4: Saia

Esse também é bem útil para burlar os dress codes: se eles não permitem joelhos à mostra e você está de shorts, é só enrolá-lo na cintura para que vire uma saia.

Uso número 5: Cobertor

A idéia é a mesma: se você está em um lugar quente e pega um ônibus noturno com ar condicionado infernal, é só se enrolar no peshtemal. Quem nunca usou a mesma peça como toalha e cobertor, não mochilou o bastante.

Uso número 6: Toalha de picnic

Resolveu fazer um almoço improvisado na praia ou na praça? É só estender o peshtemal para fazer o picnic com conforto.

Uso número 7: Bolsa de praia

Não é uma bolsa nada resistente, então não aconselho para quem quiser carregar nada importante. Mas é perfeita para quem quiser levar só algumas coisinhas para a praia. É só amarrar as pontas e depois dar mais uns nozinhos do lado de dentro.

Uso número 8: Cortina de privacidade

Se você quer se trocar no albergue, ou só dormir com um pouco de privacidade, é só estendê-lo. O mais fácil é se você estiver na cama debaixo de um beliche.

Uso número 9: Souvenir

Elas são bem bonitinhas, e servem como souvenir para trazer para casa. Aqui, além dos usos acima, eu também uso quando preciso levar minha cachorrinha em algum lugar e precido forrar, para que ela não suje nada, e coloco como uma manta em cima da cama.

 

 

2 comentários

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s