As igrejas do lago de Sevan, na Armênia

Quando estava fazendo trinta e quatro graus em Yerevan, a capital da Armênia, a idéia de ir para um lago conhecido como destino de verão dos locais parece incrível. Então, apesar de ter lido várias pessoas falando que Sevan era melhor como day-trip, reservei um albergue na cidade e peguei o ônibus para lá.

O lago de Sevan é o maior lago do Cáucaso, e tem um sexto da área do país. Ele é conhecido como o mar da Armênia, que não tem litoral. Além do lago mesmo, que tem diferentes tons de azul, verde e turquesa, o lugar é conhecido por monastérios medievais, e parecia imperdível.

Armenia lago sevan monasterio medieval Sevanarank água 2

Eu cheguei na cidadezinha em menos de uma hora, e quando tentei sair metade da van se levantou para me dizer que o lago era a próxima parada e aqui era a cidade. O transporte público na Armênia tem seus defeitos, mas as pessoas sempre queriam ajudar. Eu saí da van e vi na prática o efeito de outra característica do lago, a de que ele fica em uma altitude de quase 2 mil metros. A temperatura tinha baixado quase vinte graus. E eu lá, que tinha colocado o bíquini em um bolso externo do mochilão, e tive ao invés de cavar nele para achar um casaco.

Armenia lago sevan monasterio medieval Sevanarank água

Depois de deixar minhas coisas no albergue e sem esperança de nadar naquele dia, resolvi visitar um dos monastérios na beira do lago. Perguntei na rua onde tinha um ônibus e fiquei um bom tempo esperando, mas acabei desistindo e pegando um táxi. 

Então fui primeiro ao Monastério de Hayravank, construído entre os séculos IX e XII.  Eu tinha lido experiências de turistas que tinham ido lá e eram os únicos visitando a igreja, por isso fiquei surpresa com o número de carros do lado de fora. Até que entrei e descobri que eu estava entrando de penetra em um casamento. De novo. Isso aconteceu tantas vezes no Cáucaso que eu já estava quase rindo, mas por sorte o casamento já estava acabando e pude visitar a igreja.

Armenia lago sevan monasterio medieval Hayravank 1

Armenia lago sevan monasterio medieval Hayravank 2

Armenia lago sevan monasterio medieval Hayravank casamento 2

Armenia lago sevan monasterio medieval Hayravank casamento

Armenia lago sevan monasterio medieval Hayravank interior 2

Armenia lago sevan monasterio medieval Hayravank interior

Armenia lago sevan monasterio medieval Hayravank parede escrito em armenio

O Monastério é cercado por khachkars, também conhecidos como cruzes armênias. Eles são estelas de pedra com cruzes e muitas decorações, e são característicos da arte medieval armênia. Eles também são considerados uma parte importante da cultura armênia, e por isso em vários outros países eles foram esculpidos em monastérios lembrando o Genocídio Armênio.

Armenia lago sevan monasterio medieval Hayravank khachkars cruz armenia

Armenia lago sevan monasterio medieval Hayravank khachkar cruz armenia 2

Acabei pegando carona com uma família que estava lá para o casamento e depois estava indo para o norte. As duas filhas, que tinham 13 e 9 anos, olhavam para mim como se eu fosse um alien, uma brasileira caída do céu dentro do carro delas. Elas me perguntaram muito sobre a minha viagem e se eu estava gostando da Armênia, em inglês. Quando elas não sabiam uma palavra em inglês, perguntavam para o pai em armênio, ele me perguntava em russo, e eu respondia para elas em inglês.

Eles acabaram saindo do caminho deles e me levaram direto ao Monastério de Sevanarank, o próximo que eu queria visitar. 

Armenia lago sevan monasterio medieval Sevanarank igreja 2

Armenia lago sevan monasterio medieval Sevanarank igrejas 2

Armenia lago sevan monasterio medieval Sevanarank igrejas interior

O Monastério foi construído em 874, quando o território ainda estava sob controle persa. Ele é composto de duas igrejas, Surp Arakelots, ou dos Santos Apóstolos, e Surp Astvatsatsin, da mãe de deus. Originalmente, ele foi construído em uma ilha do lago, mas os soviéticos fizeram obras de drenagem no lago, e como resultado o seu nível desceu cerca de 20 metros. Então hoje em dia ele fica em uma península. Eles são muito bonitos por dentro, mas sinceramente nada bate a vista do lago com as igrejas, e são a parte mais bonita da visita.

Armenia lago sevan monasterio medieval Sevanarank khachkar 2

Armenia lago sevan monasterio medieval Sevanarank khachkars cruz armenia

Armenia lago sevan monasterio medieval Sevanarank ruínas

Sevanarank estava bem cheio de viajantes. Quando saí de lá, vi que tinha um ônibus perto para a cidade, e de qualquer forma seriam só quarenta minutos andando. Mas não tinha nem chegado ao ponto e um casal com um filho pequeno me ofereceu uma carona. Isso era bem tranqüilo na Armênia, que muitas vezes as pessoas me viam andando e ofereciam de me levar, e muitos casais ou famílias, então me sentia super segura.

Para chegar ao lago de Sevan, o melhor é pegar uma marshrutka, uma van soviética, na estação de ônibus no norte de Yerevan. Geralmente, as vans para Sevan saem a cada vinte minutos, e tem placas no alfabeto latino. Em agosto de 2019 custava 600 drams para ir até a cidade de Sevan, ou 900 para ir até o lago, perto de Sevanarank.

Não deixe de ler nossos outros posts sobre a Armênia.

blog asdistancias destinos Armenia

 

 

Deixe uma resposta